Claudia Simões


Física nuclear que a vida transformou em aquarelista, tendo participado e participante de inúmeras exposiçōes nacionais e internacionais importantes, com foco, determinação e amor, continua a criação do seu trabalho em aquarela, documentando o seu país de origem o Brasil e as diversas culturas que por viagens ao redor do mundo realiza.

Vale lembrar o acesso ao seu web site claudiasimoes.com, assim podendo conhecer um pouco mais de sua arte.

“Sabedoria é amar a vida, não apenas conhecê-la”.

A imagem é criada a partir da percepção da luz e da sombra. 

Na ciência, na arte a luz, se estende ao infinito. Os fótons não tem massa e seguem indeterminadamente. Não há limite para a luz. 

Não há limite para criação.


Copyright © - Associaçao Brasileira de Aquarela e da Arte Sobre Papel