Edna Carla Stradioto

Edna Carla Stradioto é uma artista plástica brasileira, residente em São José do Rio Preto – SP. Nas artes visuais ela atua com a técnica de aquarela que, eventualmente, conversa com nanquim, acrílico e outras mídias.
A poética de seu motif tem sido explorada por meio do estilo figurativo, oras explorando retratos, ora paisagens. Em especial, a artista vem explorando o vento e o movimento, alegoricamente explorado nas paisagens de capins, em várias séries de pinturas cujo elemento central é, quase invariavelmente, o Capim dos Pampas. Em seus trabalhos artísticos, ela pinta como se vários movimentos produzidos no ar arrematassem todos os elementos representados, mas ao mesmo tempo, como se cada um deles se desprendesse em múltiplas pinceladas minúsculas e curtas.
É mestre pela UNESP (São José do Rio Preto – SP) e faz doutorado em Modernidades Comparadas na Universidade do Minho (Braga, Portugal), ambos na área de ilustração.
Tem em seu currículo doze exposições coletivas no exterior, em várias cidades importantes do mundo. Já no Brasil tem dezenove exposições coletivas, e outras treze exposições individuais. Tem destaque em sua carreira, as exposições individuais da Linha da Cultura do Metrô SP em 2018 e 2019 (três meses cada ano – a primeira com onze aquarelas e a segunda com dezenove aquarelas) e no Museu Casa Guilherme de Almeida (São Paulo – SP, desde maio 2019 até o momento atual, com catorze aquarelas e curadoria de Marcelo Tápias). Em 2021 fez uma exposição individual com 45 aquarelas no espaço artístico do Shopping Frei Caneca, por 45 dias.